A Centopéia Humana (2009)

Vi o trailer, li algumas críticas a respeito, e descobri que “A centopéia humana” contava a história de um médico maluco que pretendia realizar uma experiência. A experiência consistia em ligar o sistema digestivo de três pessoas, costurando o ânus da primeira na boca da segunda e o ânus da segunda na boca da terceira. Achei nojento e curioso, e decidi assistir. Maldita curiosidade. A crítica que segue está entupida de spoilers, mas não se importe por saber o final, o filme não presta.

“A centopéia humana” é um trash medíocre. Tem até certa qualidade na fotografia, o sangue não é aquele ketchup com mel que costumamos ver nos filmes trash, mas o problema mesmo está no roteiro. As cobaias usadas na experiência são duas turistas perdidas (muito original) e um japonês. Quando acorda amarrado em um leito, e escuta do médico, juntamente com as garotas, o passo a passo da cirurgia, esse japonês grita vários xingamentos e, dentre eles, solta a seguinte pérola: “os japoneses têm uma força inacreditável quando encurralados.” Guardem esse pensamento samurai, ele será útil mais adiante.

O médico tem cara de mau, é feio, mas não passa disso. Como lhe faltam falas consistentes, fica fazendo caretas e arregalando os olhos o tempo todo, tentando passar um clima de terror. Na metade do filme, ele faz a operação, deixando o japonês na ponta da frente com a boca livre. E então passamos para a parte mais entediante: mostram a centopéia humana no jardim, na sala de jantar, à beira da piscina, dentro da jaula, sempre parada, com o japonês falando alguma bobagem, e as mulheres gemendo abafado.

Num belo dia, a centopéia humana decide agir. O médico chega ao porão, o japonês lhe dá um golpe no pé e outro na perna com um bisturi, arranca, à dentadas, um pedaço de couro do pescoço do doutor, e tenta fugir com suas companheiras. O médico vai atrás deles, arrastando-se. A centopéia chega a um quarto, o japonês tenta quebrar com um abajur de ferro o vidro da janela que dá acesso ao jardim. Olha para trás e vê o médico, rastejando pelo chão com o bisturi na mão. O japonês larga o abajur de ferro, pega um caquinho de vidro (?), e mostra para que serve a força de japoneses encurralados: para fazer cagadas inexplicáveis. Em seu idioma, o poeta oriental chama o médico de deus, chama a si de pequeno inseto e diz que quer voltar a ser humano. Em seguida rasga o próprio pescoço com o caquinho de vidro e morre. Alguém me explica uma coisa dessas?

O médico desiste de matar o resto da centopéia, é perseguido por dois policiais, mata os policiais e morre numa troca de tiros. A garota da ponta da centopéia também morre por infecção, a do meio fica gemendo sem muita mobilidade e o filme termina. Então resta a dica: o filme pode ser nojentinho, parecer curioso, mas é uma cilada.

________________________________

Marcelo Cardins

About these ads

18 respostas para A Centopéia Humana (2009)

  1. Filipe Ferraz disse:

    Haha

    Puxa vida, eu tinha acabado de ver o trailer deste filme, então venho aqui no blog e está a crítica do filme :)

    Estou voltando a ativa! Confira meu ultimo post:

    http://cinemmaster.wordpress.com/2010/07/12/o-mundo-imaginario-do-doutor-parnassus-2009/

    Abraços!!

  2. Rafaella Cardins disse:

    Gostaria de ter lido esse texto antes de assistir ao filme! Posso dizer, sem receio de estar exagerando, que esse é um dos piores filmes que já assisti!

  3. Igordx disse:

    HAHAHA, valeu galera, assim num vou perder meu tempo assitindo ele!!! =P

  4. bruno knott disse:

    Valeu por contar o filme. Assim não perco tempo vendo esta bomba!!!

  5. Kemerson disse:

    Pelo trailer e pela crítica, sem dúvida um dos piores filmes já feitos ¬¬’

    Que roteiro totalmente sem noção =O

    Acho que se colocar o filme de trás pra frente deve ter uma mensagem subliminar que dê sentido ao filme, porque desse jeito não tem sentido nenhum.

  6. É óbvio que o filme é feito para ser ruim e chocar, mesmo.
    E está dando tão certo que eles já devem começar a filmar a continuação. Tosqueira total.

  7. Felipe Guio disse:

    E aí amigo, tranquilidade?!

    Boa matéria, mas não concordo.
    Bem, minha discordância é sobre a mediocridade do filme. Desde que o filme estava sendo produzido eu já sabia que seria tosco, mas ainda sim não poderia perder, pois os atores são ‘relativamente’ famosos, além do produtor, e este é só o primeiro filme! Espere pra ver o segundo, no qual aparecerá uma centopéia de 12 pessoas!

    No festival de terror de São Paulo (provavelmente eu escrevi o nome errado), o filme ‘em destaque’ foi este, pra você ter noção!

    Existe toda uma tradição em volta dos filmes trash’s. Quem gosta, sabe admirar. E, como dito acima, o filme foi feito para ser ruim e chocar!

    Muito bacana seu blog, está de parabens!
    Estou montando um blog só de critica de filmes também. Caso queira, dá uma passada lá!

    link da minha critica sobre o filme:
    http://cabecadefrango.blogspot.com/2010/06/centopeia-humana.html

  8. Zekinha disse:

    Perdi 1:30 da minha vida pra ver isso. Típico filme de terror. Antes das coisas acontecerem, eu ja sabia o que ia acontecer.
    O que acontece em todo filme de terror?
    As mocinhas decidem sair, pegam uma rota diferente através de uma floresta, o pneu fura, elas procuram uma casa perto, acham um senhor bondoso e gentil, e acordam amarradas descobrindo que ele é um psicótico. TODO FILME DE TERROR É QUASE ISSO.

  9. eduardo disse:

    Olha so o que nois lanço
    venve a hora é essa prepara muileke piranha pro andarzin da centopeia

    huahuahau

  10. Vinicius disse:

    Bino its a trap!

  11. euamolockerz disse:

    http://www.AutoLockerz.com.br/euamolockerz

    Convites lockerz e so deixar o email. Pratico, rapido e seguro.

  12. Lara disse:

    Então, concordo PLENAMENTE com a matéria.
    Eu fiquei curisa com a estória do filme, parece ser intrigante pelo trailer, dá aquela nostalgia de um filme nojento de terror e bem trash
    mas o filme é uma bomba
    tudo muito jogado para criar uma estória que fica claramente forçada: começando pelo início quando fura o pneu do carro e elas não tentam andar com ele! MEU DEUS! o carro com o pneu furado ANDA! e elas preferem sair correndo de noite a tentar forçar o carro?
    tudo bem, um diálogo resolveria o problema no estilo: ai meu deus, o carro que estamos é alugado, se forçarmos o pneu vai nos causar problemas”
    o dialogo podre explicaria a burrice de sair dali e ir procurar ajuda no mato e não pela estrada principal em que elas vieram..

    Ok, superada a burrice do início tem o meio.
    vc notou q a guria só vai tentar se soltar das amarras quando ve que o médico tá dando a anestesia? Pelo amor de deus! ela teve o q? 3 dias para tentar se soltar dali e vai tentar nos 5 minutos antes da cirurgia? isso foi de matar..

    aí tá, fora o tédio de ver ele tratar a centopéia (q ao meu ver deveria ter sido posta de pé e nao de 4) como um cachorro e ver o japones se matar da pior maneira possível no final.. temos que aturar a burrice de dois policiais que além de serem péssimos atores conseguiram perder a vida numa troca de tiros com um médico que estava tão feerido que não andava.
    como 2 policias treinados perdem num tiroteio com um médico velho sentado no chao?

    absurdo!

  13. Jitana Cardins disse:

    Não consegui assistir o filme. Comecei e parei mais ou menos na metade porque, além de o roteiro ser muito ruim, a ideia de ‘aquilo’ ser concretizado é um tanto quanto perturbadora demais para a minha cabeça. Totalmente não indicado!

  14. Po, genial! Agora q eu qro ver msm! rs

  15. Allyne disse:

    Eu assisti porque onde eu procurava sobre ele falando que era “muito nojento”
    e como nunca achei nada que fosse nojento (nada mesmo)
    Eu vi..sinceramente nao vale a pena .-.

  16. dungdidudada disse:

    Eu não vi e não gostei, não indico mesmo.

  17. leandro disse:

    Defeca! defeca!!!!! Come! come!!!!

    huahuahuhauha

  18. O Filme ñ é perfeito… ou melhor é horrivel… mais depende da pessoa que assiste pois tem gente que descreve o filme como “interessante” ^^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: