A Onda (2008)

Quando se espera muito de um filme, é comum o desapontamento se este não condisser com suas expectativas. A não ser que você seja lançado de última hora em uma sala de cinema, sem tempo nem de perguntar do que se trata, ou qual o título a ser exibido, sempre haverá uma expectativa sobre o que vai ser assistido. Então uma vez formada sua visão a respeito do que provavelmente irá acontecer na trajetória do enredo, certas vezes acontece, antes do término da sessão, de você comentar para si mesmo que aquilo não era o que você estava esperando e que não há mais tempo para o filme surpreender. Foi exatamente isso que pensei de “A Onda”. Quebrei a cara.

Uma história, ainda que seja do conhecimento de muitos, se encontra alguém para conta-la com brilhantismo, ganha uma nova vida e muitos outros ensinamentos e valores não explorados anteriormente. A Onda, embora conte uma história baseada em fatos reais – o que gera, muitas vezes, previsão – encontrou em Dennis Gansel (diretor e roteirista) um porta voz que deu abertura para a abordagem de vários temas relevantes para nossa sociedade como política, capitalismo, governo e poder.

Distanciando-se um pouco, em detalhes, do fato que o originou, “A Onda” narra a história de um jovem professor que assume, contra a sua vontade, a tarefa de lecionar sobre autocracia em um seminário de uma semana de duração. Então ele resolve mostrar na prática para seus alunos desinteressados o que é uma ditadura. Vira o Führer do pessoal e exige disciplina e unidade. Criam um nome para o grupo (A onda), um uniforme, um símbolo e até uma saudação, mas, as coisas começam a tomar proporções maiores e fogem do controle do professor que queria apenas uma aula dinâmica e produtiva.

Como falei anteriormente, o diretor fez um ótimo trabalho ao narrar esse fato que aconteceu nos Estados Unidos. Ninguém melhor que um alemão para produzir visualmente um estudo sobre autogoverno, fim da democracia e ditadura. O longa possui um enredo bastante ligeiro, o que não se torna um ponto negativo quando o roteiro quer mostrar a rapidez com que núcleos dessa natureza se formam em nossa sociedade e de uma hora pra outra já estão disseminando suas ideologias pelo mundo a fora. Não é um filme espetacular, porém, bem eficaz no que se propõe.

________________________________

Lincoln Ferdinand

8 respostas para A Onda (2008)

  1. jitanacardins disse:

    Dá pra criar uma expectativa grande mesmo… Se não for ótimo dá pra decepcionar… Mas a história é interessante!!
    Parabéns!!

  2. Surprise Link disse:

    olá,
    Convido você a participar do novo agregador de links http://www.surpriselink.com, o agregador mais diferente dos que você já viu, em 2 idiomas, liberação de links na hora e muito mais.

  3. bob disse:

    Da mesma forma a igreja consolidou seu poder, sua violência e seus incontáveis preconceitos…

  4. Marieli disse:

    Assisti na aula de Filosofia. Muito bom o filme, mostra bem como as pessoas são manipuladas sem perceber.

  5. Jean Fillipe disse:

    Realmente parece ser bem interessante… Pensei ser um filme recente. Fica na minha lista de filmes…

  6. Jaque disse:

    Quando assisti esse filme fiquei um bom tempo em “choque”. É assim que nasce os grupos intolerantes que nos deparamos todos os dias. É fácil manipular pessoas, dá medo de nós mesmos…Filme maravilhoso. Recomendo a quem não viu.

  7. Lu disse:

    Eu vi a 1ª versão desse filme na aula de história esse ano. Muito bacana, quero ver o remake agora!

  8. backlinks disse:

    I think this is one of the most important information for me. And i am glad reading your article. But should remark on few general things, The website style is perfect, the articles is really nice

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: